40ª Volta ao Algarve: Sacha Modolo triunfa em Albufeira

O italiano Sacha Modolo (Lampre-Merida) venceu ao sprint a primeira etapa da Volta ao Algarve, que hoje ligou Faro a Albufeira, ao longo de 160 quilómetros. O corredor transalpino concluiu a ligação com 3h51m46s, diante do colega de equipa Rui Costa e de Alessandro Petacchi (Omega Pharma-QucikStep), segundo e terceiro, respetivamente.

propedalar.com @ 20-2-2014 12:05:24

Sacha Modolo

Sacha Modolo

A tirada correu de feição à Lampre-Merida, que venceu a etapa e que viu o chefe de fila, Rui Costa, amealhar 6 segundos de bonificação, que poderão ser determinantes na discussão da classificação geral final. Após a primeira jornada de competição, Sacha Modolo enverga a camisola amarela com 1 segundo de vantagem sobre César Fonte (Rádio Popular) e com 4 segundos à melhor sobre Rui Costa.

“Estou contentíssimo. Ter o campeão do mundo a dar-te a roda não é de qualquer um. O Rui Costa é um senhor. O triunfo vai para a equipa mas também para o Kristof Goddaert. Não era nosso colega, mas era muito simpático. A Volta ao Algarve é uma bela volta. Amanhã vou trabalhar para o Rui Costa e para o Chris [Horner]. O Rui está muito bem. Gostava de vê-lo vestir a camisola amarela amanhã”, afirmou Sacha Modolo.

“Foi uma etapa algo agitada, algo nervosa. Tinha dito que tínhamos um corredor muito forte, o Sacha Modolo, e conseguimos ganhar. É um sprint diferente do normal, com uns últimos 500 metros muito duros. O Sacha está numa boa forma e foi um bom resultado para nós. Não nos surpreendeu nada a sua vitória”, disse, por sua vez, Rui Costa


A ligação começou por ser animada por Bruno Silva (Efapel-Glassdrive), Luís Afonso (LA Alumínios-Antarte), César Fonte (Rádio Popular), Valter Pereira (Banco BIC-Carmim) e Alexandr Pliuschin (SkyDive-Dubai), que saíram do pelotão logo ao quilómetro 10.

César Fonte aproveitou a iniciativa para isolar-se no comando das metas volantes e para amealhar bonificações que o colocam no segundo posto da geral, enquanto Valter Pereira assumiu liderança da classificação dos trepadores. A escapada foi perdendo elementos com a passagem dos quilómetros, acabando reduzida a Alexandr Pliuschin, que só foi alcançado, por ação da perseguição da Omega Pharma-QuickStep, a 20 quilómetros do final.

Valter Pereira também era um homem feliz no final da etapa: “Sinto-me bem, muito cansado. Vamos tentar lutar por esta camisola nos próximos dias e levá-la para casa. Batermo-nos com ciclistas internacionais deste nível não é nada fácil. Esta época tem-nos corrido bastante bem.”

A Lampre-Merida comanda por equipas, Sacha Modolo acumula a liderança da geral com o primeiro lugar por pontos.

Amanhã corre-se a segunda etapa, uma viagem de 196 quilómetros entre Lagoa e Monchique. Uma contagem de montanha de terceira categoria, a 5,8 quilómetros do final, poderá ser palco de alguns ataques entre os favoritos, animando a discussão da camisola amarela.


Classificações


1.ª Etapa: Faro – Albufeira, 160 km

1.º Sacha Modolo (Lampre-Merida), 3h51m46s (Média: 41,421 km/h)
2.º Rui Costa (Lampre-Merida), mt
3.º Alessandro Petacchi (Omega Pharma-QuickStep), mt
4.º Bryan Coquard (Europcar), mt
5.º Danilo Napolitano (Wanty-Groupe Gobert), mt
6.º Arnaud Démare (FDJ.fr), mt
7.º Edgar Pinto (LA Alumínios-Antarte), mt
8.º Daniel Schorn (Netapp-Endura), mt
9.º Alexey Tsatevitch (Katusha), mt
10.º Juan José Lobato (Movistar), mt


Geral Individual


1.º Sacha Modolo (Lampre-Merida), 3h51m36s (Média: 41,421 km/h)

2.º César Fonte (Rádio Popular), a 1s
3.º Rui Costa (Lampre-Merida), a 4s
4.º Alessandro Petacchi (Omega Pharma-QuickStep), a 6s
5.º Luís Afonso (LA Alumínios-Antarte), mt
6.º Bryan Coquard (Europcar), a 10s
7.º Danilo Napolitano (Wanty-Groupe Gobert), mt
8.º Arnaud Démare (FDJ.fr), mt
9.º Edgar Pinto (LA Alumínios-Antarte), mt
10.º Daniel Schorn (Netapp-Endura), mt

propedalar.com @ 20-2-2014 12:05:24

Galeria de fotos


Clique aqui para ver mais sobre: Ciclismo, Desporto, Competições e Classificações