João Martins ficou a um ponto da medalha de bronze

Campeonatos da Europa de Pista de juniores e sub-23

A seleção portuguesa esteve muito perto de conquistar mais uma medalha nos Campeonatos da Europa de Pista de juniores e sub-23, que estão a decorrer no Velódromo Nacional, em Sangalhos, Anadia. João Martins ficou a um ponto da medalha de bronze no omnium. Diogo Narciso aguarda decisão do colégio de comissários para saber se ganhou a medalha de prata na corrida por pontos para sub-23, cuja classificação ficou em suspenso até amanhã para reavaliação da prova pela equipa de arbitragem.

propedalar.com @ 18-7-2022 17:03:20

Joao Martins

Joao Martins

"Estou extremamente orgulhoso do trabalho que o João Martins fez. Demonstrou muita potencialidade, capacidade, competência. Foi a primeira que ele fez uma competição deste nível. O João no início estaria numa situação com menos experiência que os outros atletas. Mas ele demonstrou logo desde o início estar atento aos fatores da corrida, aos momentos importantes, otimizando os aspetos que tínhamos de otimizar e no final do segundo evento estávamos na segunda posição", referiu o selecionador nacional Gabriel Mendes.

O responsável técnico considera que uma decisão acabou por prejudicar João Martins. "Fomos excluídos, na disciplina de eliminação, por decisão do comissário. Discordo dessa decisão. Considero que houve uma pressão do atleta que ia no exterior na curva, antes do sprint que pressionou o João. O João estava com mais poder e ia avançar. Esse atleta ao perceber que o João ia avançar tentou tombar o corpo para cima do João. Para tentar suster o toque o João também teve de fazer contrapeso. Causou um desequilíbrio no atleta da Bulgária, mas foi ele que originou a situação e não fomos nós. Foi uma decisão injusta", salientou.


Diogo Narciso

Diogo Narciso

Depois de um segundo e de um quarto lugar nas duas primeiras provas do omnium, João Martins foi para a corrida de pontos para tentar recuperar o lugar no pódio que tinha perdido. Esteve ao ataque, mas acabou por não ser feliz e a medalha de bronze foi para o ucraniano Daniil Yakovlev, que terminou com 102 pontos, na soma das quatro provas que compõem o exercício do omnium: scratch, tempo race, eliminação e corrida por pontos. O neerlandês Elmar Abma sagrou-se campeão europeu (116), com o britânico Noah Hobbs a ficar com a prata (107).

Na corrida feminina, Margarida Teodósio cumpriu o objetivo de ganhar experiência a este nível. Foi 15.ª no scratch, 16.ª na tempo race e eliminação e na última corrida do omnium, a de pontos, terminou na 12.ª posição. Ou seja, 16.ª na classificação final, com um total de 12 pontos. A prova foi ganha pela italiana Federica Venturelli (147), com a prata a ficar para a francesa Doriane Kaufmann (113) e o bronze para a britânica Grace Lister (107).

Beatriz Roxo ficou envolvida numa queda com várias ciclistas, na primeira metade da prova, e acabou por abandonar a corrida por pontos. A italiana Silvia Zanardi sagrou-se campeã da Europa ao somar 63 pontos, com Daniek Hengeveld, dos Países Baixos, a ser segunda (57) - ambas deram duas voltas de avanço ao pelotão - e a francesa Kristina Nenadovic terceira (38).

Outro ciclista em ação foi Diogo Narciso. Participou na corrida por pontos para sub-23. Numa prova muito movimentada, com ataques constantes e dobragens, a classificação teve duas versões. Na primeira Narciso surgia fora do pódio, surgindo depois uma correção em que o português foi colocado no segundo lugar. O colégio de comissários não ficou, todavia, convencido do que teria de facto acontecido em prova – dúvidas sobre momentos de dobragem -, decidindo rever a corrida e publicar a classificação apenas na segunda-feira.

Nesta segunda-feira, penúltimo dia dos Europeus, Marta Carvalho e João Cunha, da categoria júnior vão disputar a corrida por pontos. Os sub-23 vão correr na prova de omnium, com Daniela Campos e Daniel Dias a serem os representantes.

propedalar.com @ 18-7-2022 17:03:20


Clique aqui para ver mais sobre: Ciclismo, Desporto, Competições e Classificações