30/4/2022 a 1/5/2022 Agenda de Ciclismo (7 e 8 de maio de 2022)

O calendário de eventos oficiais da Federação Portuguesa de Ciclismo.

propedalar.com @ 5-5-2022 11:30:48

Num fim de semana com quatro seleções nacionais a competir no estrangeiro, a atividade interna continua em alta. O pelotão sub-23 pedala no GP Azores/Volta a S. Miguel. A comunidade de BTT divide-se entre o Campeonato Nacional de Maratona (XCM), em Estremoz, e mais uma etapa da Taça de Portugal de Downhill (DHI) presented by Shimano, em Boticas.

Estremoz será invadida pelos praticantes de XCM, estando inscritos mais de 600 ciclistas para a disputa do Campeonato Nacional, no próximo domingo. Os participantes, divididos por categorias, começam a partir às 9h00, distribuindo-se pelos três percursos.

Os corredores masculinos de elite até aos masters 45 competem no percurso maior e mais exigente, 95 quilómetros com um desnível acumulado de 2500 metros. As femininas, os masters a partir de 50 anos e os paraciclistas de classe D disputam a prova de 75 quilómetros, com um desnível de 1800 metros. As restantes categorias vão pedalar ao longo de 50 quilómetros, ultrapassando um desnível de 900 metros.

Boticas recebe a quarta prova da Taça de Portugal de DHI. Estão inscritos mais de 200 atletas, de dez nacionalidades, fator potenciado por ser uma corrida de classe 1 UCI. No sábado a pista estará dedicada aos treinos, ficando a competição guardada para domingo. A primeira manga arranca às 11h00 e final às 14h30. A prova irá desenrolar-se numa pista de 2100 metros com um desnível de 300 metros.

O pelotão sub-23 de estrada compete no GP Azores/Volta a S. Miguel, entre sexta-feira e domingo. A primeira etapa liga Ponta Delgada ao Nordeste, num traçado de 111 quilómetros, pontuado por duas contagens de montanha, embora ambas longe da meta.

A segunda etapa é a mais longa, 140 quilómetros desde o Nordeste até à Ribeira Grande. É a viagem menos ondulada, mas, ainda assim, o pelotão vai enfrentar uma subida de primeira categoria ao quilómetro 71.

A etapa-rainha será a terceira e última, no domingo. A partida será na Ribeira Grande e a chegada na Lagoa do Fogo, depois de percorridos 127 quilómetros. A meta coincide com um prémio de montanha de primeira categoria, com 8,4 quilómetros de extensão e 9,5 por cento de inclinação média. Esta será a quinta subida pontuável do dia.

Mais eventos oficiais

7 de maio: Taça da Madeira de Ciclismo de Estrada, Santo da Serra, Machico

8 de maio: 18.º GP ACR Roriz – Troféu Professor Matias, Roriz, Barcelos

8 de maio: Encontro de Escolas de BTT, Alvalade, Lisboa

8 de maio: Encontro de Escolas de Ciclismo de Estrada, Água de Pena, Machico

propedalar.com @ 5-5-2022 11:30:48


Clique aqui para ver mais sobre: Ciclismo, Desporto, Competições e Classificações