Águeda +B juntou 3500 amantes da bicicleta e regressa em 2017

O Águeda +B (+bicicletas), o primeiro evento urbano de bicicletas em Portugal, que se realizou entre 23 e 25 de setembro, levou cerca de 3500 pessoas à cidade que reúne o maior cluster de empresas de bicicletas e o responsável pelo facto de Portugal ser o terceiro país que mais daqueles velocípedes produz em toda a Europa. 

propedalar.com @ 3-10-2016 16:06:34

Os visitantes vieram um pouco de todo de país até este município da região Centro e nem a chuva os impediu de desfrutar de dois dias em que a bicicleta foi rainha. A edição de 2017 está já a ser trabalhada.

O Águeda +B contou com a presença do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, sendo que a sua inauguração teve como anfitriões o presidente do Conselho Diretivo do Instituto da Mobilidade e Transportes (IMT), Eduardo Feio, em conjunto com o Presidente da Câmara Municipal de Águeda, Gil Nadais.


De acordo com o Município de Águeda, o 1º Encontro Nacional de Inventores e Fazedores de Acessórios, Componentes e Serviços, também foi um sucesso, com 30 participantes a estabelecerem valiosos contactos. “A exposição de projetos criados e desenvolvidos em Portugal – desde protótipos, peças únicas a produtos finais de bicicletas e acessórios – teve enorme adesão com gente de todas as idades a poder apreciar o que de melhor se faz no nosso país. Os visitantes tiveram a oportunidade de testar todo o tipo de bicicletas, desde as cargo bikes, as eléctricas da Ebike ou mesmo da Vouga Shimano, bem como modelos únicos de vários criadores portugueses. Em paralelo, e junto ao rio, em plena fusão com a natureza, puderam desfrutar dos gelados, doces variados e bebidas em ambiente de streetfood sempre em cima de duas rodas”, afirma Gil Nadais, Presidente do Município de Águeda.

No que diz respeito à arte urbana, música e cultura em redor da bicicleta, a parceria com a D´Orfeu e o Festival O Gesto Orelhudo deram um colorido diferente à cidade de Águeda tendo sido criada uma simbiose perfeita. Ainda neste contexto, “destacaram-se os espectáculos de Puncture Kit, do Australiano Dave Osborne, o workshop e arruada dos Portugueses Retimbrar&opÁ!, a fusão entre jogos populares e a bicicleta com os Garabato da Catalunha e o espectáculo de encerramento final na tenda D´Orfeu com o notável apontamento do Mobil, um circo teatro que nos chegou de La Guasa, Espanha”, sublinha José Nuno Amaro, responsável pela produção do evento.


O último dia do certame foi o mais fustigado pelo tempo, “mas nem a chuva intensa da noite anterior demoveu a participação de mais de centena e meia de pessoas no cicloturismo e no logótipo humano em forma de bicicleta em andamento”, refere o mesmo responsável.

No total foram patrocinadas, durante o evento, 100 árvores que servirão para reflorestar o território de Águeda, que recentemente foi fustigado pelos incêndios. Ainda no âmbito da sensibilização social, o flashmob da Associação Portuguesa de Educação Ambiental (ASPEA) juntou várias pessoas numa coreografia em prol do ambiente, enquanto as Oficinas da Ciclaveiro deram dicas práticas para miúdos e graúdos sobre como reparar as bicicletas.

“Tendo em conta o feedback que recebemos por parte das várias entidades ligadas ao Águeda +B e também pelos próprios participantes, o balanço do evento é extremamente positivo, pelo que estamos já a ponderar a realização de uma 2ª edição já 2017 que trará, certamente, ainda mais novidades para os amantes da bicicleta”, refere o autarca de Águeda, Gil Nadais.

propedalar.com @ 3-10-2016 16:06:34


Clique aqui para ver mais sobre: Sabia que