EFAPEL vai disputar Volta ao Algarve com ambição

Esta quarta-feira, dia 5 de maio e até domingo, dia 9, a Equipa Profissional de Ciclismo EFAPEL vai estar na estrada para disputar com ambição e muito ânimo a 47.ª edição da Volta ao Algarve. Uma prova internacional de renome e que reúne um pelotão de elevada qualidade para pedalar durante cinco dias no sul do país.

propedalar.com @ 3-5-2021 15:10:00

Vão participar 25 equipas, sete das quais WorldTeam, oito ProTeam e dez de categoria Continental, ao longo de 765,8 km distribuídos por cinco etapas. É de Lagos que a corrida vai arrancar esta quarta-feira, para terminar no domingo no alto do Malhão, concelho de Loulé.

Habitualmente realizada em fevereiro, em 2021 a Volta ao Algarve teve de ser adiada para maio devido à pandemia de Covid-19. A prova será uma oportunidade para as equipas lusas medirem forças com coletivos internacionais numa corrida ProSeries, alguns deles os melhores do ranking mundial coletivo, como a belga Deceuninck-Quick-Step e a britânica Ineos Grenadiers.

Os sete convocados por Rúben Pereira, diretor desportivo da EFAPEL, para dar espetáculo e mostrar as cores EFAPEL no meio de tanta qualidade são o espanhol Javier Moreno, Rafael Reis, o checo Karel Hník, Fábio Fernandes, Fábio Costa, André Domingues e Frederico Figueiredo.

A primeira prova por etapas do calendário nacional em 2021 apresentas cinco tiradas. Duas delas têm final em montanha, outras tantas adequam-se aos sprinters e ainda vai haver um contrarrelógio individual no sábado, em Lagoa, para completar a ementa da tão aguardada Volta ao Algarve.

À semelhança de outros anos há transmissão em direto para todo o mundo através do canal Eurosport 1 e na CMTV para Portugal, ambos às 16.30 horas. Só na última etapa, domingo, o Eurosport 1 vai iniciar a transmissão mais cedo, às 16.15 horas.

“A Volta ao Algarve é uma corrida com grande nível e é sempre uma enorme motivação estar presente numa prova com a qualidade que tem esta competição. Acredito que esta edição poderá revelar-se uma corrida mais aberta, tendo em conta a data em que vai realizar-se. O que quer dizer que a discussão pode ser mais aberta, no sentido que as equipas portuguesas poderão ter uma palavra a dizer nesta Volta ao Algarve”, avançou Rúben Pereira.

propedalar.com @ 3-5-2021 15:10:00


Clique aqui para ver mais sobre: Ciclismo, Desporto, Competições e Classificações